blog
da ziny confira nossas postagens

O maior inimigo do seu e-commerce pode ser você mesmo

O maior inimigo do seu e-commerce pode ser você mesmo


Alguma vez você já parou para pensar que pode ser o maior inimigo da sua empresa ou que exista algo de errado com a sua gestão?

Aqui, no blog da Agência Ziny, vamos dar uma dica para você: pare, olhe no espelho, e nos diga o que você enxerga? Um empresário que busca por constantes atualizações e quer fazer o melhor para o seu empreendimento ou alguém que se acomodou diante das dificuldades do mercado?

Hipoteticamente, vamos trabalhar com a ideia que você tenha escolhido a primeira personagem. Será que você estaria administrando de forma correta a sua empresa ou tem apenas o desejo de mudar, sem conseguir colocar suas estratégias em prática?

Pensando em ajudar, criamos este texto com várias situações para entender o que pode revitalizar ou não a sua marca.

Por fim, vamos ao que interessa: o que pode fazer de você o vilão da sua empresa?

Não focar a experiência do seu cliente


Se você já teve um produto Apple, talvez saiba do que estamos falando. A Apple não vende apenas produtos, vende experiências. A empresa sempre teve o seu desenvolvimento voltado para a experiência do usuário, desde a abertura da caixa do produto ao seu manuseio e utilização.

Para irmos adiante, responda: como você pode aplicar esses conceitos na sua empresa? O design é uma ferramenta simples e acessível, que pode ser usada com esse fim, e que precisa de cuidado e muito conhecimento para beneficiá-lo.

Veja as imagens abaixo, o que agrada mais?

via: www.dinasdays.com
via: www.dinasdays.com
book-org
via: www.scentofgreenbananas.blogspot.com.br

Acho que concordamos que livros organizados em um ambiente decorado são mais agradáveis de se ver do que livros totalmente desorganizados.

Com a sua loja virtual, claro, também é assim. Todas as partes precisam estar muito bem definidas, alinhadas e organizadas para conversarem entre si, criando um conceito de unidade e harmonia. O design do template é o primeiro contato que o usuário tem com a sua loja. Dizem que a primeira impressão é a que fica, mas, no ambiente digital, é preciso bem mais que apenas um bom design para impactar. Ele tem que ser funcional e intuitivo.

Confira, agora, 4 dicas para melhorar o design da sua loja virtual.

1. Sou a diva que você quer copiar.

Você pode seguir o padrão de cores, fontes e formas de acordo com o seu segmento de atuação. Entretanto, se for mais viável, você pode ousar e criar o seu próprio padrão, com uma identidade totalmente diferenciada das empresas concorrentes.

Mas atenção: essa estratégia é um tanto quanto arriscada e, por isso, é importante que a empresa contratada por você seja especializada no ramo digital, pois as peças precisam seguir um padrão. Tudo isso para que, ao observarmos os elementos, associemos facilmente marca e conceito.

Um grande exemplo são os cases do Banco Itaú, nos quais, muitas vezes, nem precisamos saber o nome da empresa para associarmos uma marca a um conceito.

itau-001
Créditos imagem: Ivan Loos
itai-002
Créditos imagem: Studio Boreal

2. Olha o passarinho

Reza a lenda que brasileiro tem que “ver com a mão”. No ambiente digital, porém, isso ainda não é possível. Nada de tocar, virar, apertar ou sentir a textura, portanto.

Por isso, quantos mais ângulos e qualidade visual você conseguir, mais segurança o seu cliente vai sentir para finalizar sua compra. O zoom também é uma ferramenta indispensável (mas atente-se: habilite a ferramenta apenas se você tiver fotos em boa resolução).

zoom
Página de produto do Submarino, destaque do zoom na área de imagens.

3. Quem procura, acha.

De acordo com a grande maioria dos administradores em e-commerce, a busca e navegação de um website influencia em até 70% das conversões em vendas. Note que, como dissemos, não basta ter um site bonito, é a navegação e a facilidade de encontrar o que o usuário procura que vai incentivá-lo a fechar a compra.

Deixe a barra de pesquisa visível. Procure deixar uma barra fixa, também. Nas páginas de resultados das pesquisas, procure dar opções de filtros de busca, como: cores, preços, tamanhos e marcas. Adapte seu portal de vendas conforme os seus produtos.

busca
Screenshot da página de resultados de busca do site Submario, observe os filtros na lateral esquerda.

4. Pode confiar

Você só compra em lojas que confia. E com seu cliente, não e diferente. Por isso é importante que seu website ofereça ferramentas para auxiliar na segurança virtual. Mais que segurança, esses selos garantem vendas e credibilidade para a sua loja online. Seu consumidor só vai finalizar a compra se tiver a certeza de que seu site é seguro.

O ideal é que o selos fiquem no rodapé da pagina, assim eles não interferem em seu visual e o usuário os encontram facilmente.

footer
Screenshot do footer (rodapé) da Loja Virtual Magazine Luiza.

Essas são algumas dicas para melhorar o design e a usabilidade da sua loja virtual. Vale deixar claro que é necessário uma análise muita mais ampla e detalhada para entender os problemas que a sua empresa enfrenta e encontrar as estratégias adequadas para melhorar a experiência do seu cliente, criando, assim, um ambiente de vendas e de credibilidade ideal para a sua marca.

A Agência Ziny tem o suporte completo para a sua loja virtual. Juntos, podemos fazer a sua empresa crescer.

Deixe um comentário.